Follow by Email

quarta-feira, 25 de março de 2009

Tepequém

No caminho, não é difícil avistar animais como tamanduás, jabutis, além de aves como gaviões, garças e outros pequenos voadores que embelezam a estrada. Imensos buritizais encortinam a paisagem, formando um grande painel verde, de onde se ouve o tilintar de pássaros e, vez ou outra, pode-se deliciar com a revoada de centenas deles.

















O mais comum, é deixar os carros nas proximidades de uma das vilas, onde os próprios moradores podem servir de guias para as cachoeiras do Paiva, Sobral, da Barata e do Funil, que estão a cerca de 30 minutos a uma hora de caminhada das "currutelas".

O turista mais incauto pode se aventurar numa subida ao platô, ponto culminante de toda a serra. Quem se aventura à subida tem uma das visões mais espetaculares da serra, avistando a enorme cadeia de montanhas que delimita a fronteira Brasil-Venezuela e o enorme vale que um dia foi a cratera do extinto vulcão.



Fonte: http://www.rr.sesc.com.br/sesctepequem.htm


Nenhum comentário: