Follow by Email

sexta-feira, 1 de março de 2013





Ele era inteligente, bem sucedido e muito lindo. 
Ela ficou obcecada por ele como nunca tinha ficado por ninguém, por nada. Ansiava por seu toque como uma droga, mesmo sabendo que aquilo acabaria por  destruí-la. Ela tinha seus problemas e ele fez com que viessem à tona muito facilmente. Ele sabia, e também tinha seus problemas. Eles acabariam sendo o espelho que refletia os traumas - e os desejos - mais secretos um do outro.
Seu amor a transformou, e ela rezava para que seu passado não os separasse. 





Um comentário:

Nanda Assis disse...

alguns sentimentos realmente sao como drogas.

bjosss...